Descubra por que vale a pena incluir este roteiro nas suas férias de fim de ano

O final de ano chegou e com ele as férias coletivas. Para aqueles que tem filhos, isso também significa férias escolares. Com mais tempo para aproveitar em família, a dica é fazer um passeio em meio à natureza e que, de quebra, valoriza a biodiversidade da avifauna brasileira. Estamos falando de uma visita ao espetacular Parque Nacional do Superagui. Confira abaixo alguns motivos pelos quais vale a pena incluir esse roteiro nas suas férias!

Baía dos Pinheiros | Foto: Zig Koch

Localizado no litoral norte do estado do Paraná, no município de Guaraqueçaba, o Parque Nacional do Superagui abrange a Ilha de Superagui, Ilha das Peças, Ilha do Pinheiro e a Ilha do Pinheirinho, além do vale do Rio dos Patos, no continente.

O Parque é repleto de opções de lazer para diversos perfis de turistas, mas a revoada dos papagaios-de-cara-roxa é um espetáculo à parte e um dos principais atrativos para quem curte observar aves. Na Ilha do Pinheiro é possível observar a revoada na parte da manhã, quando os papagaios saem em busca de alimentos, e à tarde, quando eles retornam aos seus dormitórios. Essa observação deve ser feita com muito cuidado, à distância e sem fazer barulhos ou movimentos bruscos, uma vez que a ilha é um dos principais dormitórios coletivos da espécie e devemos respeitar esse santuário. Para  obter mais informações e fazer esse passeio com um guia local, o ideal é conversar com um dos moradores locais.

O papagaio-de-cara-roxa é uma espécie endêmica, o que significa que só ocorre em uma área restrita da Grande Reserva Mata Atlântica, maior remanescente deste bioma, em bom estado de conservação, do mundo.

Você pode conferir mais sobre esse belo passeio no terceiro episódio da websérie Pé no Parque, disponível no YouTube.

Revoada dos papagaios na Ilha do Pinheiro | Foto: Zig Koch

Para chegar no local você pode ir via Paranaguá ou Guaraqueçaba. Confira as rotas e acessos ao Parque Nacional do Superagui.

—–

Gostou da dica? É para entrar em 2020 com as energias recarregadas depois de se reconectar com a natureza, não é mesmo? Se tem outra dica legal de ecoturismo e passeios para observar papagaios em vida livre, compartilhe com a gente nos comentários. 🙂

LEIA TAMBÉM: Birdwatching: as experiências e dicas de quem entende do assunto


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *